Siga nossas redes sociais

Valorant

Buscofem e Lenovo são as novas patrocinadoras do Circuito Gamers Club de Valorant

Publicado

em

Em meio a crise causada pelo coronavírus alguns setores ganharam destaque, um deles foi o mercado de games. De acordo com dados publicados pela Superdata, consultoria especializada em games da Nielsen, apenas neste mês de abril o mercado de jogos digitais movimentou US $10,5 milhões.

E, segundo a PBG deste ano, 51,5% do público de jogos eletrônicos do país é formado por mulheres. O que revela um aquecimento nunca antes visto deste mercado e especialmente do público feminino.

Cada vez mais empresas estão apostando neste setor, como é o caso das marcas Lenovo, Buscofem que recentemente se tornaram patrocinadoras no Circuito Gamers Club de Valorant, campeonato voltado para o público feminino.

Circuito Game Changers

O Game Changers, como o circuito é conhecido, é um mega evento, transmitido e realizado pela Gamers Club e tem chamado a atenção pela grande audiência, que neste ano acumulou 32800 views, e também pelos valores das premiações.

O Circuito é composto por quatro classificatórias realizadas e transmitidas pela Gamers Club, parceira oficial da Riot no Brasil. O vencedor de cada etapa embolsa o valor de R$20 mil. Essas classificatórias levam as equipes às duas grandes finais, que premiam os vencedores em R$200 mil, acontecem em julho e dezembro e são realizadas pela Riot.

Para Vinicius Zuñiga, VP Sales Brasil da IGC, a associação de marcas no universo gamer está mais para uma realidade do que para uma tendência, “ O aumento da inserção de pessoas no universo gamer só vai aumentar. A SuperData, divulgou um estudo indicando que até 2023 o mercado de games deve movimentar US$ 200 bi. Quanto mais cedo uma marca estiver nesse território, maior será seu reconhecimento por esse público”.

Para Bárbara Toscano, diretora de marketing da Lenovo, investir no campeonato é uma forma de dar visibilidade às jogadoras.

“A Lenovo já apoia diversas iniciativas de eSports no Brasil, e entende que apoiar campeonatos exclusivamente femininos é um caminho para estimular a representatividade de jogadoras, que são maioria no universo gamer¹”, afirma. “Entendemos que a diversidade resulta em uma sociedade melhor e mais justa”, completa.

Olá! Meu nome é Beatriz Chiessi e sou formada em Gestão Empresarial. Fã da Aggretsuko, apaixonada pelos filmes do Studio Ghibli, Simmer assumida e astronauta do Astroneer.

Nosso canal no Youtube

Posts Recentes

Trending