Domingo, 23 de Fevereiro de 2020
Notícias sobre Games e e-Sports



Project A: comentarista de CS:GO expõe as primeiras impressões sobre o FPS da Riot

No mês de outubro de 2019, a Riot Games, criadora do lendário League of Legends, apresentou ao mundo a notícia…

Por Yohan Bravo , em Outros Games , data: 12 de fevereiro de 2020 Tags:, , , ,

No mês de outubro de 2019, a Riot Games, criadora do lendário League of Legends, apresentou ao mundo a notícia de que estava criando um shooter FPS chamado Project A (nome provisório). Contudo, após esse primeiro anúncio impactante, a empresa passou a guardar muitos segredos em relação ao título.

Agora, alguns meses depois, algumas informações pontuaram que a Riot disponibilizou o game para que um seleto grupo de pessoas relacionadas ao mundo dos eSports pudesse testá-lo. Dentre essas pessoas, HenryG , comentarista de CS:GO, foi aquele que liberou as primeiras impressões acerca do game… vamos conferir o que ele declarou?

Project A, nas palavras de HenryG

HenryG é um famoso comentarista de CS:GO, que chegou a participar dos primeiros testes realizados no shooter da Valve. Isto é, os comentários feitos em relação ao vindouro Project A vêm de uma fonte que sabe do que está falando.

Portanto, as análises foram bem técnicas, com o comentarista realizando comparações e chamando a atenção para as semelhanças entre o projeto da Riot e outros games famosos, como Overwatch, Apex Legends e, mais especificamente, CS:GO. Confira:

“Primeiro de tudo, em sua essência, Project A é um jogo de tiro tático de 5 contra 5 em rodadas (mais similar com CS:GO como uma análise de comparação rasa via Twitter), com os melhores (e levemente diluídos) elementos de FPS de classe/herói como Overwatch e Apex Legends, por exemplo.”

Além disso, cabe destacar que os resultados da análise foram apresentados via Twitter e os trechos apresentados neste post são partes destacadas dos tweets (em versões traduzidas). Continuando…

Em dado momento, HenryG destacou que apenas testou um dos modos de jogo do título. E o modo testado guardava muitas semelhanças estruturais com CS:GO, especialmente as mudanças entre ataque e defesa e os pontos para “plantar bombas”.

Ainda assim, ele destacou algumas particularidades do game, especialmente, no que diz respeito às classes e habilidades dos personagens…

“Na minha opinião, as classes citadas anteriormente e suas ‘habilidades’ únicas devem ser vistas como uma utilidade tática ao invés de um feitiço/ultimate potencialmente superpoderoso que outros jogos do tipo sofrem […] falando em geral, ‘habilidades’ devem ser primariamente compradas no começo de cada rodada ao invés de adquiridas com o tempo, com a mesma reserva econômica das armas”.

Além disso, HenryG ainda fez elogios ao gameplay, destacando as mecânicas das armas e como o sistema econômico acaba tomando um viés estratégico, uma vez que faz os players questionarem sobre investir em armas ou em habilidades…

“Você pode se divertir bastante jogando sem ter que depender *muito* das habilidades para te ajudarem no seu jogo […] dito isso, não há nada mais satisfatório do que soltar um combo de habilidades de movimento que isolam seus oponentes para dar espaço antes de puxar o gatilho para o golpe final.”

Enfim, para encerrar, o comentarista foi enfático ao alegar que Project A é o melhor jogo que ele já jogou desde CS:GO. E isso, claro, nos permite imaginar que o título da Riot pode vir a se tornar o grande antagonista do título da Valve.

Agora só nos resta aguardar pelo promissor Shooter FPS

Apesar de as informações dadas pelo comentarista HenryG terem chamado maior atenção, a Riot convidou uma boa quantidade de pessoas para a realização dos testes. Aliás, até mesmo os brasileiros Gaulês, Tecnosh e Fly (muito conhecidos por fãs de CS:GO e LoL) marcaram presença nesses testes.

Os três brasileiros também deixaram algumas impressões sobre o jogo no Twitter. Porém, eles foram mais sucintos e menos técnicos. De todo modo, em um formato resumido, podemos dizer que o trio gostou do que viu e já marcou Project A como um título bastante promissor.

Sendo assim, podemos concluir que Project A pode vir a ser um grande nome no mundo dos eSports. Por ora, o game ainda não tem uma data de lançamento definida. Na verdade, nem mesmo o nome “Project A” é definitivo. Temos que ficar de olho nas movimentações da Riot Games.

Compartilhe isso...
Share on Facebook
Facebook
Tweet about this on Twitter
Twitter
Share on LinkedIn
Linkedin
Email this to someone
email